mar 1
erros

4 erros terríveis que você pode estar cometendo com as suas vendas

Se a sua empresa está buscando aumentar a taxa de conversão de vendas, então esse texto é para você! Afinal, o caminho mais simples para garantir o aumento das vendas da sua empresa e a excelência no atendimento é fugir daqueles erros mais rotineiros que não só espantam o potencial cliente como ainda prejudicam a sua marca no mercado.

 

Quer saber como? A gente te explica!

 

#1 – Equipe de vendas:

Deixar de investir na sua equipe de vendas é um dos erros mais fatais que a sua empresa pode cometer. Afinal, a equipe é a “cara” da sua marca para o potencial cliente, uma verdadeira personalização da empresa, que exerce papel decisivo no relacionamento final do consumidor com a marca. É justamente por isso que o caminho mais rápido para o fracasso de uma empresa no varejo é possuir uma equipe de vendas desmotivada, apática, rude, desinformada ou mesmo inexperiente.

 

Para evitar esse tipo de erro de iniciante, dedique uma atenção especial ao seu time de vendas.

Lembre-se: o cuidado deve começar já na seleção de pessoal. Busque pessoas carismáticas e simpáticas, que demonstrem bom nível de inteligência interpessoal, proatividade e vontade de crescer. Invista em treinamento in loco e em workshops que permitam ao seu time melhor desenvolver as habilidades em vendas.

 

No dia a dia, busque ser um gestor presente: interaja, mantendo um bom relacionamento com o time, e busque criar um ambiente coeso, com boa comunicação. Acompanhe os processos de venda em andamento, orientando o time e realizando as correções que julgar necessárias. Estabeleça metas de venda compatíveis com a realidade da sua empresa e ofereça premiações por bom desempenho em vendas à sua equipe.

 

#2 – Marketing Inteligente:

Você está investindo o suficiente na divulgação da sua marca? Quais as formas de marketing mais utilizadas? Qual o retorno concreto dessas ações para a sua empresa? Deixar de divulgar a marca ou divulgar nos canais incorretos é um dos erros que mais impacta o setor de vendas de uma empresa, visto que diminui a captação de novos leads (clientes em potencial).

 

Por isso, na hora de investir em marketing, tenha clareza do seu público alvo e dos melhores canais para alcançá-lo. E não se esqueça de monitorar o retorno das suas ações de divulgação: para isso, utilize ferramentas de gestão do tipo ERP, que permitem acompanhar em tempo real o volume de vendas, os itens mais buscados e todas as oscilações de seus estoques.

 

#3 – Controle de estoques:

E, já que mencionamos o acompanhamento dos itens em estoque, esse é outro ponto de falha grave em muitas empresas que atuam no varejo. É preciso garantir que os estoques estejam preparados para receber os leads gerados por qualquer ação de marketing. Afinal, nada pior do que perder uma venda por não conseguir entregar o produto buscado pelo seu cliente, não é mesmo?

 

Justamente por isso, uma boa gestão de estoques é fator determinante para o aumento da taxa de conversão da sua empresa! Esse controle pode ser realizado através de diversas planilhas, facilmente encontradas na Internet, mas porque não buscar uma solução mais inteligente e autônoma?

 

Um sistema simples e fácil de usar que ajuda o lojista a alavancar as vendas, dessas soluções! Trata-se de uma ferramenta, que vai permitir que você controle de perto todo o dia a dia da sua empresa trazendo o cliente de volta. E o melhor! Tudo isso online, para trazer maior mobilidade e agilidade para a sua empresa!

 

#4 – Relacionamento com o cliente:

Outro erro é acreditar que a venda se encerra ali, no balcão! Não! A conversão da primeira venda é o resultado de toda uma série de esforços da sua empresa cujo objetivo não é a venda, mas a conquista do cliente. O grande desafio é: como fidelizar o seu cliente?

 

O processo de fidelização começa já no primeiro contato com a marca: é preciso que o potencial cliente conheça os valores da empresa e se identifique com eles. Na seqüencia, ao receber o cliente em seu site ou loja física, é preciso primar pela experiência de compra: atendimento, navegabilidade, políticas de troca e pagamentos – tudo deve se desenrolar de forma a atender, e superar, as expectativas do seu agora cliente.

 

E não acaba aí não! O pós-venda exerce um papel fundamental na hora de garantir um bom relacionamento com o seu cliente. Busque o feedback da experiência de compra de cada cliente – e realize os ajustes necessários na sua empresa. Por fim, mantenha os canais de comunicação com o cliente sempre abertos, de forma a favorecer a próxima compra.

 

pos-venda

 

E você? Quais os piores erros no varejo que já presenciou? Não deixe de comentar aqui com a gente!